Feliz dia das Mães

Mãe lê pensamento, tem premonição, sonhos estranhos. Conhece cara de choro, de gripe, de medo, entra sem bater, liga de madrugada, pede favor chato, palpita e implica com amigos, namorados, escolhas. Mãe dá a roupa do corpo, tempo, dinheiro, conselho, cuidado, proteção. Mãe dá um jeito, dá nó, dá bronca, dá força. Mãe cura cólica, porre, tristeza, pânico noturno, medos. Espanta monstros, pesadelos, mosquitos, perigos. Mãe tem intuição e é messiânica: mãe salva. Mãe guarda tesouros, conta histórias e tem lembranças. Mãe é arquivo! Mãe exagera, exaure, extrapola. Mãe transborda, inunda, transcende…

Tereza Coutinho

Batismo

Fotografar batizado é emocionante. Há algo nesse rito que toca a qualquer ser humano, independente de sua crença. No momento em que a água banha a cabecinha do bebê a gente sente algo mágico, parece que a emoção dos pais e padrinhos é tanta que contamina, chega a me dar um nó na garganta. Que delícia fazer parte de momentos assim! Carol, pequenina, que Jesus habite seu coraçãozinho e cresça em você e com você, para que sua presença encha de luz os caminhos por onde trilhar como verdadeira cristã, cumprindo verdadeiramente aquilo que o Cristo espera de nós.

1820 1821 1822 1823 1824 1825 1826 1827 1828 1829 1830 1831 1832 1833 1834 1835 1836 1837 1838 1839 1840 1841 1842 1843 1844 1845 1846 1847 1848 1849 1850 1851 1852 185318541855

Superlativos

Muito feliz pelo convite recebido pelo querido Mateus para fotografar essas produções. Trabalho de cabelo e maquiagem impecáveis na belíssima Alyne Lira, feitos por Tatiane Prates e Mateus Costa, com peças maravilhosas da Marcia Marquez. Quantos superlativos, né? Precisei, fazer o quê? Está pensando em como será sua produção para seu grande dia? Dá só uma olhada nessas opções, certeza de que vai ser inspirador!

0588 0589 0590 0591 0592 0593 0594 0595 0596 0597 0598 0599

Perceba-se

Toda mulher tem um encanto, uma magia.

Nem toda mulher acessa isso.

A fotografia tem a capacidade de tornar seu poder mais escancarado, fica tangível.

É o que tenho descoberto ultimamente.

Me descobri muito mais bonita do que pensava depois que fiz meu ensaio e tenho percebido isso nas mulheres que fotografo.

Esta é a Vivian, minha amiga. Ela é dona de um olhar fascinante, tem o tom da pele tão maravilhoso que chega a dar dó de usar preto e branco quando a fotografo, é dona de proporções encantadoras em seu corpo, estando dentro do “peso ideal” ou não, e ainda por cima carrega consigo uma força descomunal.

Eu sempre soube disso.

Ela, como eu e provavelmente você, se via mediana, meio que normal.

No dia em que ela teve acesso a essas fotos pôde perceber o que para meu olhar de fotógrafa sempre esteve claro: que maravilha de mulher! Todas nós deveríamos nos ver assim, maravilhosas como somos. Basta se conectar consigo mesma.

Eu, do lado de cá, fico babando no resultado do meu trabalho (sem falsa modéstia) e agradecendo à vida pela oportunidade de acessar o que de melhor há em cada um que se apresenta diante de mim. Quanto privilégio, quanta responsabilidade!

Post de dia das mulheres tinha que ser especial. Eu não poderia deixar de mandar meu recado: não se permita mais estar desconectada da sua beleza, perceba-se!

0933 0934 0935 0936 0937 0938 0939 0940 0941 0942 0943 0944 0945 0946 0947 0948 0949 0950 0951 0952 0953 0954 0955 0956

Estamos de volta

“O otimista é um tolo. O pessimista, um chato. Bom mesmo é ser um realista esperançoso.” – Ariano Suassuna

Sabia das coisas o Suassuna, não é mesmo? Aí está meu sentimento para este começo de ano. Ok, não dá para ser eu sem ser otimista, assumo minha tolice. Teimo em crer que tudo dará certo – e tem dado – mas, esse ano me sinto menos bobinha. Não dá para negar que será preciso um tanto mais de força para vencer as batalhas. Escolho ser a realista esperançosa, estou pronta. Começo o ano com imagens dessa família que eu amo passando por um processo mágico, lindo, mas também difícil e doloroso. Crescer dói mas é preciso e em 2017 quero ser grande. Mãos à obra, estamos de volta, dia um do período de crescimento que me aguarda. Vamos?

3847 3848 3850 3851 3852 3854 3855 3856 3857 3858 3860 3861 3863 3864 3865 3866 3867 3868 3869 3871 3872 3873 3874 3875 3876 3877 3878 3879 3880 3883 3884 3886 3887